segunda-feira, 30 de julho de 2012

Lauro Cesar Muniz crítica clichês de "Avenida Brasil"

Foto: Reprodução/Rede Record
  • Autor de sucessos como "O Salvador da Pátria" (novela campeã de audiência na TV Globo em 1989), Lauro César Muniz (atualmente contratado da Record e responsável pela autoria de "Máscaras"), criticou a atual produção de João Emanuel Carneiro, "Avenida Brasil", da Globo. As informações são do jornal Folha de S. Paulo. 

    "É muito difícil que um autor da minha idade consiga vislumbrar alguma coisa interessante. Gostei de A Favorita, mas Avenida Brasil cai em uma série de clichês bastante improváveis, como patroa virar empregada e empregada virar patroa. Não é uma nova forma, é um clichezão. Acho chato. A classe C ascendeu através dessa troca? Essa ideia não cola", disse o dramaturgo.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagens populares

Você Gostou do Programa"Encontro com Fátima Bernardes"?

Sinal Aberto!

Televisão Ao Vivo

Promoção Adidas

NOTICIAS DE ESPORTES

NOTÍCIAS DO CINEMA